Atendimento Online:

Produtores de Tabaco tiveram uma tarde de novas experiências


Oportunidade única, onde todos que participaram saíram com novas perspectivas quanto à produção de tabaco, inclusive projetando uma nova rentabilidade para a pequena propriedade rural.


A Souza Cruz promoveu na quinta-feira, 19 de abril, o Seminário de Qualidade na Produção do Tabaco para cerca de 150 produtores integrados à empresa nos municípios de Arvorezinha, Fontoura Xavier, Ilópolis, Putinga, Anta Gorda, Casca, Soledade, Itapuca, Vespasiano Correia, Santo Antonio do Palma e Ciriaco.
O evento realizado no Auditório da Prefeitura Municipal de Arvorezinha, contou também com a presença dos orientadores agrícolas da região e autoridades locais, como o prefeito, secretário de agricultura, Sindicato Rural e EMATER do município sede e secretários de agricultura de Vespasiano Correia e Santo Antonio do Palma.
A palestra “Sustentabilidade em Produção de Tabaco” deu início ao evento. Ministrada pelo especialista de sustentabilidade em produção agrícola, Sandro Savegnago, reforçou as premissas da plataforma Produtor Rural Sustentável que contribuem para a sustentabilidade econômica, social e ambiental do produtor rural e do sistema integrado de produção através de informações relacionadas à segurança e saúde do trabalhador, erradicação do uso de mão de obra da criança e do adolescente e preservação ambiental.
O especialista de blend Enio Feil palestrou sobre “Qualidade na Produção de Tabaco” e reforçou a eliminação de material estranho, resíduos e odores indesejáveis do produto e boas práticas de separação e apresentação. Por fim, o especialista de solos Gracioso Marcon, destacou as melhores práticas para conservação do solo como camalhão alto de base larga, plantio na palha, mínimo e direto através da palestra “Manejo e Conservação do Solo”.
De acordo com Erika Glória, gerente territorial de Produção Agrícola, o objetivo do encontro foi orientar os produtores a respeito de práticas importantes que contribuem para a qualidade da produção, assegurando a sustentabilidade das suas respectivas propriedades.

Depoimento de quem já produz nas novas técnicas

Dentre os participantes desse ciclo de apresentações estavam produtores Rurais que já estão se enquadrando nos novos moldes de produção de tabaco e que confirmam que a forma apresentada pela Souza Cruz é a mais positiva e que apresentará resultados já na próxima safra para quem implantar em suas lavouras.
Para Airton Capelari, morador da Linha Borges, Ilópolis, a tarde de palestras não foi novidade “Já conheci essas técnicas apresentadas, muitas delas já estou realizando em minha propriedade, tanto que a produção aumentou 40% de um ano para o outro, pois ano passado produzi 1800 quilos, esse ano a estimativa é que chegue a mais de 2500 quilos por hectare. Estou empolgado com o que está acontecendo”. Disse
Já para Volmir Gasparim, morador da linha Segredo Arvorezinha, as novas técnicas e manejo também têm ajudado em muito a sua vida “Fui embora para São Paulo, agora voltei, estava sem muita esperança quanto ao Tabaco, mas ao conhecer essa nova técnica estou bastante otimista” ressaltou. Em sua propriedade a produção deverá alcançar 3735 quilos por hectare.

Fonte; Jornal Notiserra

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Símbolo RV Digital
Desenvolvido por:
Logomarca RV Digital